quarta-feira, 22 de março de 2017

Cerimônia de Lançamento do Parlamento Jovem 2017

Na tarde da última quinta-feira (16), a Câmara Municipal realizou o evento de lançamento do Parlamento Jovem 2017. O encontro aconteceu no Teatro Benigno Gaiga, Espaço Cultural da Urca, e contou com a presença de professores e de cerca de 100 alunos de escolas públicas e particulares do município. O presidente do Legislativo, vereador Antônio Carlos Pereira (DEM), e os demais vereadores de Poços também prestigiaram a cerimônia.


Além de conhecerem detalhes de projeto e assistirem a um vídeo produzido pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais sobre o PJ, os estudantes participaram de uma palestra sobre o tema desse ano, que é Educação Política nas Escolas. O filósofo Rudra Das abordou o assunto dentro da perspetiva do pensamento crítico e apresentou questionamentos diversos levando os alunos a pensarem sobre o tema central. “O meu objetivo com essa palestra foi trazer reflexão, independente do partido e da ideologia, e mostrar o poder da filosofia. Hoje, a filosofia está enquadrada apenas para algumas pessoas e, na verdade, ela pode ser usada para todas as situações. Podemos, dessa forma, trazer consciência filosófica para qualquer cidadão, desde problemas em casa, no trabalho e na área social”, destacou.
Sobre a Educação Política nas Escolas e, ainda, sobre o desenvolvimento de projetos como o Parlamento Jovem, o palestrante ressaltou como ponto mais importante o poder de reflexão, tanto para os mais jovens como também para os adultos. “Estamos sendo educados com qual objetivo? Como a política pode ser introduzida na educação? Aristóteles dizia que somos seres sociais, então como a política pode ser um meio de transformação? Isso porque se não atuarmos politicamente, alguém vai atuar pela gente. A ação de atuar dentro das escolas é muito grandioso. Projetos como o Parlamento Jovem são fantásticos. Esse intuito de trazer ideias novas e esse diálogo são enriquecedores”, comentou.
Tais Ferreira, uma das coordenadoras do PJ em Poços e servidora da Câmara, destacou a satisfação em receber, nesta edição, oito escolas da cidade. “Estamos contentes com a adesão dessas instituições, pois esse fato demonstra que os jovens se interessam cada vez mais pela política e querem ser ouvidos. São mais de 300 alunos inscritos este ano, no entanto nem todos compareceram à cerimônia de lançamento devido à greve na rede estadual de ensino”, disse.


Taís explicou que, a partir do lançamento, as escolas iniciam, de fato, a realização do trabalho. “A partir de agora, o tema desta edição começa a ser trabalhado pelos professores e todo o conteúdo será complementado pelas oficinas oferecidas pela Câmara Municipal. Nossa primeira oficina será em abril, quando também participarão alunos do Parlamento Jovem de São Sebastião do Paraíso e Guaxupé, cidades que compõem nosso polo regional”, pontuou.
Para o presidente Antônio Carlos Pereira, o Parlamento Jovem permite uma maior aproximação dos estudantes das atividades da Câmara e possibilita a discussão de temas importantes para o município e para o estado. “Estamos bastante satisfeitos com a grande participação nesse ano e a Câmara dedica todo o apoio a esse projeto da Assembleia, em parceria com os legislativos municipais”, declarou.

segunda-feira, 6 de março de 2017

Câmara promove oficina de formação para professores e monitores do Parlamento Jovem


Na última sexta-feira (03), a Câmara de Poços realizou uma atividade de formação para professores e monitores do Parlamento Jovem, edição 2017. Além de informações sobre a dinâmica do projeto, o encontro abordou, ainda, o papel da política nas relações em sociedade, as atribuições do Poder Legislativo e a importância da educação política nas escolas. A discussão dos temas contou com a participação do vereador Paulo Tadeu Silva D’Arcadia (PT).


A oficina de formação para monitores e professores teve como objetivo apresentar as etapas do Parlamento Jovem e promover a integração entre as escolas participantes antes da cerimônia de lançamento, que acontecerá no próximo dia 16 de março. Neste ano, a Câmara de Poços conta com a participação de sete instituições de ensino:
  • Colégio Nini Mourão;
  • Escola Estadual Francisco Escobar;
  • Escola Estadual Doutor Edmundo Gouvea Cardillo;
  • Escola Padrão do Parque das Nações;
  • Escola Estadual Doutor João Eugênio de Almeida;
  • Escola Estadual David Campista;
  • Centro Educacional Inovação.
Uma novidade nesta edição é a presença de alunos do curso de Administração da Faculdade Pitágoras, que atuarão como monitores do projeto.


Para Tais Ferreira, servidora da Câmara e uma das coordenadoras do Parlamento Jovem de Poços, o encontro com professores e monitores permitiu a troca de experiências e a apresentação de novas ideias pelas escolas que participam pela primeira vez. “Tivemos a oportunidade de explicar como funciona cada etapa do projeto, desde o lançamento até a plenária final, e cada representante pôde falar das expectativas com relação ao trabalho desse ano. Os veteranos elogiaram a iniciativa da Câmara em realizar um encontro com todas as escolas antes do lançamento, já que em outras oportunidades esse encontro era feito separadamente. Trabalhamos muito essa questão da representatividade, ou seja, no Parlamento Jovem não pode haver a competição entre os alunos, mas sim o trabalho em prol do bem comum”, destacou Tais. 
Há uma grande expectativa para o início do projeto e o pontapé inicial será no dia 16/03 com a Cerimônia de Lançamento Oficial do Parlamento Jovem de Minas 2017, na Câmara Municipal.


segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Começam os preparativos para o PJ 2017


Nos dias 08, 09 e 10 de fevereiro, em Belo Horizonte, aconteceu o encontro de formação para os coordenadores do Parlamento Jovem de Minas 2017, momento em que os coordenadores e demais servidores das Câmaras presentes puderam trocar experiências sobre o desenvolvimento do projeto. A Câmara de Poços marcou presença no evento, através da participação do vereador Lucas Arruda (Rede), e das coordenadoras do programa este ano, Arlis Silva Bassi e Tais Ferreira.

Foto: Taís Ferreira, Arlis Bassi e o vereador Lucas Arruda.

O tema dessa edição é Educação Política nas Escolas, escolhido no ano passado durante a etapa estadual do projeto. Ele foi dividido em três subtemas:
  • Educação política e currículo;
  • Interações entre a escola e sociedade na formação política dos jovens;
  • Educação política para uma gestão democrática e participativa nas escolas.
O PJ cresce a cada ano! Em 2016, eram 43 municípios e em 2017, 65 municípios participarão do projeto. As 22 câmaras ingressantes foram distribuídas nos 12 polos regionais já existentes, segundo a localização de cada uma. Poços continuará no Polo Sul de Minas II, formado também pelas cidades de Guaxupé e São Sebastião do Paraíso, sendo que Guaxupé é a coordenadora do polo nessa edição e receberá os alunos para a etapa Regional do PJ 2017. 

Foto: Coordenadores do Polo Sul de Minas II

Quer ficar por dentro dos próximos passos do Parlamento Jovem 2017? Acompanhe as notícias pelo blog e pelas redes sociais através do facebook.com/pjpocos .

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

Poços de Caldas tem duas representantes na Etapa Estadual do Parlamento Jovem Minas 2016

Nos dias 24, 25 e 26 de agosto de 2016 realizou-se a etapa estadual do Parlamento Jovem de Minas 2016. A aluna Letícia de Souza da Escola Estadual Dr. Edmundo Gouvea Cardillo e a aluna Isabella Cristina Pereira da Escola Padrão do Parque das Nações foram as representantes municipais no evento.

Atividades do PJ Minas 2016:
Primeiro dia: acolhida dos alunos com atividades de entrosamento orientados por uma companhia de teatro.
Segundo Dia: Muito trabalho pela frente: De manhã aconteceu a votação do tema do próximo ano, sendo eleito: “Educação política na escola”. Em seguida houve a eleição de coordenadores e relatores dos grupos de trabalho por subtemas. A tarde os alunos trabalharam em grupos de trabalho, já ensaiando para a Plenária do dia seguinte.
Paralelo às atividades com os alunos, os coordenadores também tiveram muitas atividades na oficina para a Gestão do Projeto.
Terceiro dia: Quanta expectativa!!! Pela manhã os alunos estudaram as propostas que seriam votadas na Plenária Estadual. As quinze horas iniciou-se a Plenária com abertura a participação dos Deputados, Representantes da PUC Minas e de algumas Câmaras participante, bem como da Escola do Legislativo da ALMG, responsável pelo PJ Estadual. Foram mais de quatro horas de debates e votação e ao fim, doze propostas foram aprovadas pelos Parlamentares Jovens de todo o Estado de Minas Gerais e encaminhadas à Comissão de Participação Popular.

Essas foram as propostas aprovadas:

Acompanhe todas as novidades do Parlamento Jovem de Minas – Poços de Caldas também pelas redes sociais: facebook.com/pjpocos



quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

Alunos de Poços participam de Plenária Regional do Parlamento Jovem

Dezenove alunos de Poços estiveram em São Sebastião do Paraíso, no dia 06 de julho de 2016, para a plenária regional do Parlamento Jovem 2016. Durante o evento, sete propostas sobre o tema Mobilidade Urbana foram aprovadas pelos estudantes. Eles se preparam agora para e etapa estadual, que será realizada no mês de agosto, em Belo Horizonte. Lembrando que, além de Poços e São Sebastião do Paraíso, também faz parte do Polo Sul de Minas II a cidade de Guaxupé.


Antes da plenária, os alunos se dividiram em grupos para exame e priorização das propostas, de acordo com os subtemas propostos pela Assembleia Legislativa de Minas. Além disso, os coordenadores de cada cidade conversaram com os estudantes, ressaltando a importância da construção coletiva de boas propostas para os municípios e também para o Estado de Minas Gerais. A cidade de Poços de Caldas foi representada na Mesa de Trabalho pela aluna Gabrielle Gonçalves, da Escola Padrão do Parque das Nações.
Além das coordenadoras do projeto em Poços, Arlis Silva Bassi e Maria de Lourdes Rezende de Assis, também acompanharam os alunos durante a plenária a servidora da Câmara Municipal Taís Ferreira e os professores Júlia Oliveira, Hudson Villas Boas, Simone Oliveira e Tiago Mafra. Neste ano, participam do projeto alunos da Escola Municipal Pedro Affonso Junqueira, Escola Estadual Dr. Edmundo Gouvea Cardillo, Escola Padrão do Parque das Nações, Colégio Nini Mourão e Escola Estadual David Campista.

Documento final aprovado na Plenária Regional:

SUBTEMA 1 – MOBILIDADE: PARTICIPAÇÃO E CONTROLE SOCIAL

  1. Criar uma lei que exija a existência de uma audiência pública todas as vezes que houver necessidade de renovação de contrato de concessão do serviço de transporte coletivo urbano.
  2. Criação de um conselho deliberativo sobre a mobilidade urbana em cidades com mais de 65.000 habitantes, com o objetivo de atender às demandas locais, garantir a participação popular e criar um órgão político de cobrança e fiscalização. A composição do conselho deverá ser de técnicos especializados e pessoas eleitas por voto popular.

SUBTEMA 2 – TRÂNSITO E TRANSPORTE

  1. Proibição de estacionamento de caminhões, carretas e ônibus em vias de mão dupla, que não atendam à largura adequada para a circulação.
  2. Utilização dos ônibus municipais escolares, também, no transporte intermunicipal de estudantes universitários no período noturno.
  3. Implantação do bilhete único comum, com o qual o cidadão pode fazer as viagens necessárias, ao custo de apenas uma tarifa diária, que terá um desconto de acordo com a quantidade de crédito colocado. Já os estudantes terão descontos adicionais no passe escolar a 25% do valor da tarifa, todos os dias da semana.

SUBTEMA 3 – MOBILIDADE E INFRAESTRUTURA

  1. Criação do projeto “Bicicletas Públicas”, no qual a pessoa fará um cadastro e poderá fazer a locação da bicicleta, podendo o projeto contar com parcerias e patrocínios de empresas privadas, para o uso de propaganda. Será cobrada uma taxa de adesão proporcional ao tempo de uso, e o valor recebido será convertido em manutenção das bicicletas e remuneração dos responsáveis. O pagamento de multa será obrigatório, caso houver algum tipo de dano ou atraso na devolução. O projeto ainda prevê a criação de programas de conscientização de ciclistas, assim como criação de ciclovias em locais onde o fluxo de veículos é mais intenso, juntamente com a implantação de bicicletários, para que as bicicletas sejam guardadas com segurança, incentivando seu uso, sendo obrigatória a existência destes em órgãos públicos e em empresas com mais de dez funcionários.
  2. Implantação do Sistema de Zona Azul nas principais vias dos centros urbanos, com arrecadação destinada à manutenção do sistema de trânsito municipal e geração de empregos voltados para o projeto Jovem Aprendiz.


segunda-feira, 20 de junho de 2016

Alunos participam de Plenária Final do Parlamento Jovem


A Câmara de Poços encerrou a etapa municipal do Parlamento Jovem 2016 na última sexta-feira (17). Alunos das cinco escolas que fazem parte do projeto este ano participaram da Plenária Final, oportunidade em que discutiram e votaram propostas referentes ao tema Mobilidade Urbana. O encontro contou com a presença do vice-presidente do Legislativo, vereador Paulo Eustáquio de Souza (PMDB), do presidente da comissão de Legislação Participativa, vereador Flávio Faria (Rede), e do vereador Valdir Sementile (DEM). Professores e monitores também prestigiaram o evento.

A mesa dos trabalhos foi composta pelos estudantes Gabrielle Gonçalves (Presidente - Escola Padrão do Parque das Nações); Yasmim Silva Lima (Colégio Nini Mourão), Christian Lopes (Escola Padrão do Parque das Nações), Letícia de Souza (Escola Estadual Dr. Edmundo Gouvea Cardillo), Maria Fernanda Costa Jardim (Escola Municipal José Avelino de Melo) e Keila Alves Malaquias (Escola Municipal Dr. Pedro Afonso Junqueira). Todos eles falaram em nome dos demais alunos sobre a participação no PJ e a experiência adquirida ao longo das atividades.

Todas as propostas apresentadas pelas escolas, antes de colocadas em votação, foram divididas entre os três subtemas criados pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais, sendo eles: “Mobilidade: participação e controle social”, “Trânsito e transporte” e “Mobilidade e estrutura”. A maioria das propostas aprovadas enfatizou a questão da melhoria da qualidade do transporte público, adoção de tarifas sociais, implantação de transporte público na zona rural e implantação de ciclovias e bicicletários na cidade. Os alunos também discutiram e aprovaram sugestões para construção de rampas de acesso destinadas aos deficientes físicos e instalação de semáforos sonoros.

Com o encerramento da etapa municipal, os alunos se preparam agora para a fase regional, que contará com a participação das demais cidades que compõem o Polo Sul de Minas II. Já a etapa estadual será realizada na ALMG, em Belo Horizonte, no mês de agosto. Na oportunidade, o documento final com as propostas de todas as cidades será entregue à Comissão de Participação Popular da Assembleia de Minas.

Projeto

O Parlamento Jovem de Minas é um projeto de formação política e educação legislativa, desenvolvido pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais e PUC Minas, em parceria com Câmaras Municipais, destinado a alunos do ensino médio. O PJ teve início em 2004, sendo que as seis primeiras edições do projeto foram realizadas em Belo Horizonte, envolvendo somente os estudantes da cidade. Em 2010, o programa foi estadualizado, por meio de parcerias com outras Câmaras Municipais, e a Câmara de Poços, através de um Projeto de Resolução, tem participado todos os anos das atividades.

Além de despertar nos jovens o interesse pelo exercício da democracia, o programa possibilita o conhecimento do processo legislativo, bem como a vivência em situações de debates, exposição de opiniões, negociações e escolhas, respeitando sempre as diversas opiniões sobre os mais variados temas.


Grupos de trabalho 16/06/2016